Jeep conquista recorde de participação de mercado em junho


O percentual de participação de 8% é o maior da história da marca em território brasileiro, graças ao enorme sucesso de Renegade e Compass.

Tem sido corriqueiro noticiarmos problemas de produção, de demanda e entrega deficitárias, mas isso parece não estar sendo problema para as marcas dos antigos grupos FCA e PSA, hoje Stellantis. São sucessivos os bons resultados e recordes durante esse momento complicado e dessa vez falaremos da Jeep.

A marca norte-americana alcançou em junho o seu mais novo recorde de participação de mercado da história desde que chegou no mercado automotivo brasileiro. São 8% de percentual e segunda vez está se posicionando entre as cinco marcas com maior volume de vendas de todo o Brasil.

Veja Também

⇒ Jeep Commander 2022 já tem hotsite para receber novidades em primeira mão

⇒ Jeep revela interior e espaço do novo Commander

⇒ Jeep Compass Série S 2022: preço público (e PcD), fotos, equipamentos e mais

Outro fato é o sucesso gigantesco do médio Compass que não tem se intimidado, mesmo com a concorrência ficando cada vez mais forte. No terceiro mês após o lançamento da linha 2022, o modelo terminou o primeiro semestre com 32.560 carros comercializados ou 54,1% de share. “No terceiro mês depois do lançamento de sua nova geração e com a chegada de novos concorrentes no mercado, o Compass segue brilhando na liderança de seu segmento (C-SUVs). A Jeep sempre foi campeã entre os SUVs, mas estamos conseguindo nos superar a cada mês e conquistando posições mesmo em relação ao mercado de automóveis em geral. Sem dúvidas, trabalhar com dois produtos vencedores ajuda muito”, comenta Everton Kurdejak, diretor de Operações Comerciais da Jeep para o Brasil.

O Renegade também conquistou o primeiro lugar entre os SUVs compactos com 40.609 unidades e 17,5% de market share. Em relação a junho, o Renegade alcançou 21,8% de participação em sua categoria, a maior dos últimos quatro anos, vendendo mais que o dobro que seus concorrentes.

Siga o MDA nas redes sociais: