Carro usado até R$ 40.000? Veja 5 opções com câmbio AT


Confira cinco opções de veículos hatches e sedans usados com transmissão automática ou automatizada até R$ 40 mil.

Continuando com nossas indicações de carros usados para PcD, aumentamos um pouco mais o valor máximo para R$ 40 mil e assim será sucessivamente até chegar em R$ 70 mil, teto para isenção do IPVA na maioria dos estados brasileiros.

Diferente da lista anterior, trazemos aqui apenas uma opção de veículo com transmissão automatizada, o Fiat Mobi. Seu câmbio assim como a maioria dos automatizados sofrem forte preconceito no mercado e acabam desvalorizando mais os modelos, além de serem alvo maior de problemas que merecem a atenção do usuário.

Já os demais modelos são todos com transmissão puramente automática com conversor de torque, mas que também exige cuidados, sobretudo com a troca do óleo de câmbio que é ignorada por muitos. Todos da lista possuem menos de dez anos de ano-modelo, ou seja, caso a isenção do IPVA não seja requerida, haverá a necessidade de pagamento por mais algum tempo.

Lembrando que o preço utilizado como referência aqui é o da Tabela FIPE, podendo haver diferença nos anúncios de acordo com localização, quilometragem, estado de conservação, entre outros fatores:

Veja os carros usados até R$ 40.000:

*Ordenado por preço.

1.Hyundai HB20 Comfort Plus/Comfort Style 1.6 AT 2013

Tabela FIPE: R$ 38.007
Motorização: 1.6 16V – 128/122 cavalos e 16,5/16 kgfm de torque (Etanol/Gasolina)
Câmbio: automático de quatro marchas
Principais itens de série: ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos nas 4 portas, travas elétricas, bancos revestidos em tecido, faróis com máscara negra, sistema de som com USB/AUX/MP3, volante multifuncional, computador de bordo, rodas de aço de 14 polegadas com calotas, airbag duplo, freios ABS, entre outros itens. A versão Comfort Style adiciona faróis de neblina, rodas de liga-leve de 15 polegadas, retrovisores elétricos, além de volante com regulagem de altura e profundidade.

A lista tem início com o modelo responsável pela popularização da Hyundai no Brasil, sendo atualmente um dos carros mais vendidos do país. O HB20 é considerado por muitos um forte sinônimo de confiabilidade, conforto e fácil revenda no segmento. Não possui manutenção difícil, mas o câmbio automático é diferente do atual de seis marchas que oferece melhor vigor ao hatch.

2.Chevrolet Cobalt LT 1.8 AT 2015

Tabela FIPE: R$ 38.420
Motorização: 1.8 8V – 108/106 cavalos e 17,1/16,4 kgfm de torque (Etanol/Gasolina)
Câmbio: automático de seis marchas
Principais itens de série: ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos nas portas dianteiras, travas elétricas, alarme, volante e banco do motorista com regulagem de altura, bancos revestidos em tecido, rodas de liga-leve de 15 polegadas, predisposição para rádio, piloto automático, airbag duplo, entre outros itens.

O Cobalt de primeira geração era considerado o “patinho feio” da época, mas é dono de fortes atributos, como motor de reconhecida e fácil manutenção, espaço interno amplo e farto porta-malas com 563 litros. Não é difícil encontrar por ai unidades equipadas com GNV, pois o consumo é um tanto quanto elevado, mas nada que desabone o veículo.

3.Fiat Mobi Drive 1.0 GSR 2018

Tabela Fipe: R$ 38.734
Motorização: 1.0 6v – 77/72 cavalos e 10,9/10,4 kgfm de torque (Etanol/Gasolina)
Câmbio: automático de quatro marchas
Principais itens de série: ar-condicionado, direção eletrica, vidros elétricos nas portas dianteiras, travas elétricas, limpador e desembaçador do vidro traseiro, bancos revestidos em tecido, banco traseiro bipartido, predisposição para rádio, rodas de aço de 14 polegadas com calotas, airbag duplo, freios ABS, entre outros itens. Opcionalmente podia ter rodas de liga-leve, retrovisores elétricos, sistema de som, entre outros itens.

Aqui está a nossa única opção automatizada da lista, além de ser o mais atual entre os citados. O Fiat Mobi com esse conjunto mecânico foi descontinuado, mas o motor tricilíndrico ainda está na dupla Uno e Argo e tem sido cada vez mais elogiado pela eficiência. Já a transmissão GSR é uma evolução da Dualogic, ou seja, traz menor incidência de problemas, mas ainda requer cuidados e é uma boa indicação de primeiro carro ou daily car.

4.Honda City LX 1.5 AT 2012

Tabela Fipe: R$ 39.304
Motorização: 1.5 16V – 116/115 cavalos e 14,8 kgfm de torque (Etanol/Gasolina)
Câmbio: automático de cinco marchas
Principais itens de série: ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos nas 4 portas, travas elétricas, retrovisores elétricos, alarme, bancos revestidos em tecido, volante com regulagem de altura, sistema de som com CD/MP3/USB, apoio de braço dianteiro, rodas de liga-leve de 15 polegadas, airbag duplo, freios ABS, ISOFIX, entre outros itens.

O Honda City é até hoje considerado um dos melhores sedans compactos premium para se adquirir por ser dono de uma motorização bastante confiável, cesta de peças com razoável preço, boa revenda e desvalorização baixa. É uma excelente alternativa para quem almeja muitas vezes um sedan mais em conta e não quer optar por modelos de entrada.

5.Chevrolet Onix LT 1.4 AT 2014

Tabela FIPE: R$ 39.845
Motorização: 1.4 8V – 106/96 cavalos e 13,9/13 kgfm de torque (Etanol/Gasolina)
Câmbio: automático de seis marchas

Principais itens de série: ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos dianteiros, travas elétricas, alarme, bancos revestidos em tecido, banco do motorista e volante multifuncional com regulagem de altura, piloto automático, faróis e lanternas com máscara negra, central multimídia MyLink, rodas de aço de 15 polegadas com calotas, airbag duplo, freios ABS, entre outros itens.

Por último, mas não menos importante, o Chevrolet Onix com câmbio automático ajudou e muito no aumento da representatividade do modelo no mercado, contribuindo para que ele chegasse ao sucesso de vendas que é. Trazendo consigo um tradicional motor, dispõe de barata manutenção, além de boa revenda e confiabilidade.

[Fotos: Divulgação]

Siga o MDA nas redes sociais: