in ,

Renault Sandero e Stepway perdem versões com câmbio CVT

Hatches compactos da marca francesa passam a não contar mais com algumas versões automáticas no portfólio.

Publicidade
Publicidade

A Renault do Brasil promoveu nesse mês de agosto de 2020, mudanças no line-up de versões dos modelos Sandero e Stepway, que apesar de ser basicamente o mesmo carro, são tratados de forma separada pela marca. Os dois hatches compactos perderam a versão Intense 1.6 que vinha equipada com câmbio CVT X-TRONIC com seis marchas simuladas. Além disso, no caso em específico do Sandero, saiu de cena a versão Zen CVT também.

Apesar da retirada de produção, como podemos ver ao abrir o configurador dos modelos no site da Renault, não foram lançadas versões com o intuito de substituí-las na gama. Portanto, no caso do Sandero, o cliente que desejar a transmissão automática deverá partir para o que é agora a única versão com a opção, a GT-Line de R$ 75.490. No mais, a versão Zen 1.6 continuou com a opção de câmbio manual de R$ 62.590.

Publicidade

Veja Também

⇒ Renault suspende pedidos de Duster Life e Captur Life Plus

⇒ Renault Sandero ganha versão GT Line a partir de R$ 57.390

⇒ Novo Duster PcD (Life) 2021: fotos, preço, itens de série e mais

Já na gama do Stepway, hatch com roupagem aventureira e que era antigamente tratada como uma versão do Sandero, com a saída da versão Intense CVT, fica como opção automática a versão mais completa Iconic que tem preço sugerido de R$ 80.790, além da Zen manual de R$ 67.790.

Fotos: Sandero Stepway

[Foto: Divulgação]

Siga o MDA nas redes sociais:

Deixe uma resposta

Loading…