Renault Sandero perde versão GT Line 1.6 CVT


Versão esportivada GT Line com a transmissão automática continuamente variável sai de cena. Câmbio só está presente agora no Stepway.

É Natal, mas a Renault do Brasil está promovendo mudanças no seu portfólio de produtos oferecidos em nosso mercado. A marca francesa retira de linha a versão GT Line com motor 1.6 SCe de até 118 cavalos e torque de 16 kgfm aliado ao câmbio CVT X-Tronic lançada há somente seis meses.

No entanto a versão com roupagem esportiva segue com o motor 1.0 SCe de 82 cavalos máximos e torque de até 10,5 kgfm e câmbio manual. Diante disso, o hatch compacto da Renault “perde” todas as versões automáticas que foram apresentadas na reestilização. Somente o Stepway, versão de caráter aventureiro, na versão topo Iconic mantém a transmissão que dispensa o pedal de embreagem.

Veja Também

⇒ Renault Logan Zen CVT 2021: preço, fotos, equipamentos e mais

⇒ Renault Captur 2022 com motor turbo é flagrado no Paraná

⇒ Renault Duster agora conta com bônus de fábrica para PcD

Confira todos os preços da gama:

  • Sandero Life 1.0: R$ 58.190
  • Sandero Zen 1.0: R$ 61.590
  • Sandero GT Line 1.0: R$ 64.090
  • Sandero Zen 1.6: R$ 67.890
  • Stepway Zen 1.6: R$ 74.890
  • Sandero RS 2.0: R$ 81.990
  • Stepway Iconic 1.6 CVT: R$ 87.090

Fotos: Sandero GT Line

[Fotos: Divulgação]

Siga o MDA nas redes sociais:

Banner MDA