Presidente renova até 2026 a isenção de IPI para PcD em R$ 200 mil


A Lei 14.287, que versa sobre a isenção de IPI para pessoas com deficiência (PcD) e taxistas, foi renovada e já está valendo.

No último dia do ano de 2021, foi sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro a Lei 14.287, que versa sobre a isenção de IPI para pessoas com deficiência (PcD) e taxistas. Com a renovação, o prazo para comprar veículo com isenção de IPI foi estendido até o ano de 2026.

Outra novidade aprovada foi adição das pessoas com deficiência auditiva, pleito antigo do segmento. No entanto, a sanção veio acompanhada de um único veto, este, recomendação do Ministério da Economia, portanto, Bolsonaro decidiu vetar o dispositivo que estendia a isenção em acessórios usados para adaptação do veículo.

Veja Também

⇒ CONFAZ ratifica novos tetos para isenção de ICMS

⇒ Agora é Lei: isenção de IPVA em SP volta a incluir todas as PcD

Pela lei sancionada, o preço máximo do carro que pode ser isento do IPI para pessoa com deficiência (PcD) passou a ser de R$ 200 mil, incluindo o imposto. Antes o limite era de R $ 140.000.

Com este novo teto, veículos maiores poderão ser adquirido por PcD. A título de exemplo, Jeep Compass, Toyota Corolla Cross, Volkswagen Taos, entre outros.

1 comentário em “Presidente renova até 2026 a isenção de IPI para PcD em R$ 200 mil”

  1. Os preços informados aqui não são os mesmo oferecidos pelas concessionárias. Estou comprando um Onix LT 2022 RGK por 76mil. A Fiat Pulse ainda não tem a isenção do ICMS. Isso para o Rio de Janeiro.

Os comentários estão encerrado.

Banner MDA