in

Exame psicotécnico DETRAN: tudo que precisa saber

O exame psicotécnico do DETRAN é um dos exames fundamentais para avaliar a capacidade psicológica e técnica dos motoristas que trafegam no trânsito brasileiro. O exame além de ser obrigatório compõe etapa fundamental para que você consiga trafegar com o seu veículo, assim, em casos de reprovação ou não realização do teste, você estará incapacitado de circular com o seu veículo, estando sujeito à aplicação de multa quando for pego pela fiscalização.

Mas afinal de contas, você sabe como funciona esse teste psicotécnico do DETRAN? Muita gente o conhece, mas não sabe qual a finalidade do teste. Por isso, hoje separamos algumas informações de suma importância para você entender o que é e para o que serve esse exame, confira:

Qual a função do teste psicotécnico?

Em linhas geras, pode-se afirmar que o teste psicotécnico tem a função de identificar o seu perfil e algumas de suas habilidades e personalidade. Isso quer dizer que através desse teste, é possível que os seus avaliadores identifiquem qual o seu perfil mediante determinadas situações ilustradas no exame e reais no dia a dia de qualquer motorista.

Dessa forma, de forma geral alguns dos principais traços levados em consideração em um teste psicotécnico são: atenção, memória, tomada de decisões, raciocínio lógico, destreza e muitos outros aspectos. Esses traços são fundamentais para que o seu perfil seja traçado e assim identificar como você lidaria com determinadas situações que ocorrem corriqueiramente nas rodovias brasileiras, tendo em vista que o objetivo maior do teste é avaliar se o seu perfil o conduz a realizar atividades perigosas e imprudentes no trânsito.

Veja Também

⇒ Placas de trânsito: veja os principais significados

⇒ Renovar habilitação (CNH): como funciona e quanto custa

⇒ Transferência de veículo: veja os documentos necessários, prazo e mais

Quem precisa fazer o teste psicotécnico do DETRAN?

No Brasil, todo indivíduo que deseja tirar a sua carteira de habilitação (CNH) pela primeira vez, será submetido ao teste psicotécnico. Como explicado anteriormente, você viu que o teste tem a finalidade de identificar o seu perfil e como seriam as suas reações em dia corriqueiro no tráfego brasileiro.

Porém, é importante salientar que não somente pessoas que irão tirar a CNH pela primeira vez necessitarão ser avaliados pelo exame psicotécnico. Motoristas que já tiveram as suas carteiras cassadas por algum motivo, irão necessitar fazer uma nova avaliação psicotécnica no DETRAN.

Por fim, motoristas profissionais também precisam realizar o teste psicotécnico sempre que for necessário renovar a CNH. Isso quer dizer que os motoristas profissionais precisam realizar o teste a cada cinco anos, ou seja, sempre que renovarem a CNH.

Quais os possíveis resultados do teste?

De acordo com a legislação brasileira de trânsito, são possíveis somente 3 diferentes resultados no teste psicotécnico, são eles: apto, inapto temporário e inapto. Confira o que quer dizer cada um deles:

Apto: quando aluno apresentar desempenho condizente com a necessária para a condução de veículo automotor;

Inapto temporário: quando o aluno obtém esse resultado, quer dizer que o perfil dele não condiz temporariamente com o necessário para conduzir um veículo automotor;

Inapto: nesse resultado, o aluno não possui perfil adequado para conduzir veículo automotor.

Nos siga nas redes sociais

 Facebook- Mundo do Automóvel para PCD

 Instagram – Mundo do Automóvel para PCD

 Youtube – Mundo do Automóvel para PCD

Escrito por Michael W.

Apaixonado por carros desde criança, hoje compartilho com todos o conhecimento que tive ao longo da vida.

Siga o MDA nas redes sociais
Facebook -- Instagram -- Youtube -- Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *