in ,

Chevrolet Tracker tem nova versão com foco no público PcD, veja detalhes

Versão fica posicionada por R$ 70.000 sem isenções, mas não será exclusiva para PcD.

A Chevrolet do Brasil informou toda a sua rede de concessionários no dia de ontem (05/11) que está retornando a carteira de pedidos de uma nova versão do SUV Tracker 1.0 Turbo AT que atende o público PcD dentro do teto de R$ 70.000 para isenção de ICMS (e IPI). Dado importante é que em razão do Decreto 65.259 do Estado de São Paulo, onde as chamadas “versões específicas para PcD” não poderão ser mais comercializadas por lá, a fabricante estará também disponibilizando ao público geral.

A versão, internamente chamada de R8Z, traz uma interessante lista de equipamentos de série, contemplando ar-condicionado manual, direção elétrica, vidros elétricos com abertura e fechamento pela chave, travas elétricas, retrovisores externos na cor preta com regulagem elétrica, alarme, 6 airbags, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, ISOFIX e Top Tether, computador de bordo com tela TFT de 3,5 polegadas, maçanetas e rack de teto na cor preta, grade dianteira com detalhe cromado, DRL em LED, faróis com projetores, chave presencial com partida por botão, rodas de aço de 16 polegadas com calotas, central multimídia MyLink III touchscreen de 8 polegadas e espelhamento via Android Auto/Apple CarPlay, rádio AM/FM, Bluetooth para até dois celulares, câmera de ré, sistema Stop/Start de desligamento automático do motor em pequenas paradas, volante multifuncional com regulagem de altura e profundidade, piloto automático, entre outros itens.

Veja Também

⇒ Chevrolet Tracker LTZ e Premier 1.0 chegam ao mercado

⇒ Chevrolet Onix e Onix Plus chegam à linha 2021

⇒ GM Onix RS e Onix Plus Midnight são apresentados oficialmente

Parte do comunicado oficial
Parte do comunicado oficial

Em comparação com a última versão PcD ofertada, a R8U, o SUV perde: rodas de liga-leve, sensor de estacionamento traseiro, lanterna de neblina, auto-falantes e entradas USB traseiros, sistemas OnStar e Wi-Fi. No que diz respeito às cores disponíveis, são: Branco Summit, Cinza Satin Steel, Preto Ouro Negro e Prata Switchblade. Ainda de acordo com a Chevrolet, o modelo conta com 12 meses (1 ano) de garantia e mão de obra da primeira revisão (10.000 km ou 1 ano) paga pelo cliente.

Como a exemplo do já finado Volkswagen T-Cross Sense, foram elaborados alguns pacotes de acessórios para ESCOLHA do cliente.

  • Pacote Conforto: sensor de estacionamento traseiro, auto-falantes traseiros e revestimento premium dos bancos;
  • Pacote Aparência: rodas de liga-leve de 16 polegadas, estribo lateral, extensor dos para-choques e ponteira do escapamento;
  • Pacote Básico: jogo de tapetes em carpete ou PVC, tapete para porta-malas, frisos laterais com o nome do carro cromado, rede de porta-malas e tampão do porta-malas.

As vendas já foram iniciadas ontem, dia 5/11, com início de produção previsto para iniciar em 1° de dezembro, conforme o comunicado emitido pela Chevrolet do Brasil.

[Foto: Divulgação]

Siga o MDA nas redes sociais:

Deixe uma resposta

Loading…